ABPA na Mídia






11/03/2019

Ação no México gera milhões de dólares em negócios para exportadores brasileiros

São Paulo, 11 de março de 2019 - Terminou bem-sucedida a ação organizada pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), durante a Expo Carnes Y Lacteos 2019, realizada entre 26 e 28 de fevereiro, em Monterrey (México)

Conforme levantamentos feitos pela associação junto às exportadoras que participaram da iniciativa, a ação gerou US$ 41,5 milhões em vendas apenas nos três dias do evento.  A expectativa é que mais de US$ 100 milhões em exportações sejam realizadas a partir dos contatos efetivados durante a feira.

Ao todo, seis agroindústrias participaram da Expo Carnes Y Lacteos (Agroaraçá, C. Vale, Copacol, Lar, Seara e Zanchetta), no espaço exclusivo da ABPA. Além de reuniões com importadores e potenciais clientes, a ação teve como objetivo fortalecer as relações entre o setor de proteína animal do Brasil e o mercado local, com a realização de reuniões com stakeholders e a divulgação de materiais promocionais, com informações sobre os diferenciais do setor produtivo brasileiro, como a qualidade dos produtos, o status sanitário e o perfil sustentável da produção.  

“Os números atestam o sucesso na ação liderada pela ABPA no México.  Dentro do objetivo de fortalecer nossa posição no auxílio à segurança alimentar mexicana, a ação em Monterrey cumpriu plenamente seus objetivos, gerando também novas oportunidades para os exportadores brasileiros”, analisa Ricardo Santin, diretor-executivo da ABPA.

O México é o décimo maior importador de carne de frango do Brasil, sendo destino de 111,2 mil toneladas em 2018 (equivalente a 2,8% de tudo o que o Brasil embarcou no período).  Os negócios com os mexicanos seguem em crescimento em 2019, com elevação de 30% nas importações em janeiro deste ano, na comparação com o mesmo período do ano passado.

SOBRE A ABPA - A ABPA é a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos da avicultura e da suinocultura do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões.

Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a Apex-Brasil, das três marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork.

Por meio de suas marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos e de carne de frangos e de suínos.

SOBRE A APEX-BRASIL - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

A Agência realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, e visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.

A Apex-Brasil também atua de forma coordenada com atores públicos e privados para atrair investimentos estrangeiros diretos (IED) ao Brasil, com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.

SOBRE OS PROJETOS SETORIAIS – Os Projetos Setoriais Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork são mantidos pela ABPA em parceria com a Apex-Brasil com o objetivo de promover junto ao mercado internacional as carnes de frangos, de suínos e os ovos produzidos no Brasil.  Por meio da participação em feiras, realização de workshops e outras ações especiais de promoção comercial, os projetos valorizam atributos destes setores produtivos – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e valorizam as marcas internacionais dos produtos, fomentando novos negócios para os exportadores brasileiros.  Cerca de 45 empresas participam dos projetos atualmente. Informações sobre como fazer parte dos projetos setoriais podem ser obtidas pelo e-mail isis.sardella@abpa-br.org.