ABPA na Mídia






12/09/2017

ABPA reforça intenções pela segurança alimentar chinesa, na FMA

São Paulo, 12 de setembro de 2017 - A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), participará, entre os dias 19 e 21 de setembro, na China International Food, Meat and Aquatic Products Exhibition (FMA 2017), em Cantão, capital da província chinesa de Guangdong.

Durante o evento, o vice-presidente de mercados da ABPA, Ricardo Santin representará o setor de aves e de suínos do Brasil durante o International Import and Export Food Policy, Laws and Regulation Summit, um fórum paralelo especial com autoridades de órgãos reguladores do Governo Chinês.  Em sua participação, Santin reforçará o interesse brasileiro em manter os atuais níveis, complementando espaços não ocupados pelos produtores chineses.

Paralelamente, a ABPA realizará uma ação institucional na FMA.  Na iniciativa, realizada pela assistente de promoção comercial da associação, Nayara Dalmolin, serão distribuídos materiais promocionais, com informações sobre a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da avicultura e da suinocultura do Brasil, além de informações sobre as empresas exportadoras de aves, suínos e ovos do país.  A Vibra, empresa com sede em Montenegro (RS), também participará da ação.

“Nosso objetivo é reforçar o Brasil como um parceiro sólido pela segurança alimentar da população chinesa. A qualidade de nossos produtos e o fato de nunca termos registrado focos de Influenza Aviária em nosso território nos credencia como fornecedores altamente confiáveis.   Queremos renovar esta confiança que construímos com o mercado chinês, que hoje figura entre os três maiores importadores de aves e de suínos do Brasil”, ressalta Santin.

SOBRE A ABPA - A ABPA é a maior associação de proteína animal do mundo. É a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos da avicultura e da suinocultura do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões.

Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a Apex-Brasil, das três marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: a Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork.

Por meio de suas marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos e de carne de frangos e de suínos.

SOBRE A APEX-BRASIL - A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira.

A Agência realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, e visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.

A Apex-Brasil coordena os esforços de atração de investimentos estrangeiros diretos (IED) para o Brasil com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.

SOBRE OS PROJETOS SETORIAIS – Os Projetos Setoriais Brazilian Chicken, Brazilian Egg e Brazilian Pork são mantidos pela ABPA em parceria com a Apex-Brasil com o objetivo de promover junto ao mercado internacional as carnes de frangos, de suínos e os ovos produzidos no Brasil.  Por meio da participação em feiras, realização de workshops e outras ações especiais de promoção comercial, os projetos valorizam atributos destes setores produtivos – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e valorizam as marcas internacionais dos produtos, fomentando novos negócios para os exportadores brasileiros.  Cerca de 45 empresas participam dos projetos atualmente. Informações sobre como fazer parte dos projetos setoriais podem ser obtidas pelo e-mail Isis.sardella@abpa-br.org.