ABPA na Mídia






04/09/2019

Após SIAVS, exportadores da avicultura e da suinocultura projetam negócios de US$ 301 milhões

As agroindústrias produtoras e exportadoras de carne de frango, suínos, genética e ovos brasileiras projetam US$ 301 milhões em negócios nacionais e internacionais, a partir dos encontros de negócios realizados durante o Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (SIAVS 2019), maior evento dos setores no Brasil, realizado entre os dias 27 e 29 de agosto, no Anhembi Parque, em São Paulo (SP).

Realizado pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o SIAVS 2019 contou com a participação de mais de 37 agroindústrias e casas genéticas exportadoras dos setores avícolas e suinícolas.  Denominada Projeto Comprador, a ação foi realizada em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Conforme levantamentos feitos pela ABPA junto às empresas, apenas nos três dias de evento, foram mais de US$ 50 milhões em negócios prospectados e concretizados.

Foram cerca de 1,5 mil encontros comerciais consolidados, com compradores de 31 países.

Considerada uma das mais expressivas ações de negócios para a avicultura e a suinocultura do Brasil em 2019, a participação das agroindústrias no SIAVS contou com espaço de 450 metros quadrados no Pavilhão do Anhembi para 32 agroindústrias, além de estandes exclusivos de outras cinco empresas em meio ao evento.

“O excelente fluxo de negócios consolidados atesta o sucesso da ação.  O grande diferencial, desta vez, é que os encontros comerciais foram realizados na maior feira da avicultura e da suinocultura do Brasil, o que otimizou recursos e ampliou nosso leque de oportunidades de geração de negócios”, analisa Francisco Turra, presidente da ABPA.

SOBRE A ABPA – A ABPA é a maior associação de proteína animal do mundo. É a representação político-institucional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Congrega mais de 140 empresas e entidades dos vários elos da avicultura e da suinocultura do Brasil, responsáveis por uma pauta exportadora superior a US$ 8 bilhões. Sob a tutela da ABPA está a gestão, em parceria com a Apex-Brasil, das três marcas setoriais das exportações brasileiras de aves, ovos e suínos: a Brazilian Chicken, Brazilian Egg, Brazilian Breeders e Brazilian Pork. Por meio de suas marcas setoriais, a ABPA promove ações especiais em mercados-alvo e divulga os diferenciais dos produtos avícolas e suinícolas do Brasil – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e fomenta novos negócios para a cadeia exportadora de ovos e de carne de frangos e de suínos.

SOBRE A APEX-BRASIL – A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. A Agência realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, e visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira, entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil. A Apex-Brasil coordena os esforços de atração de investimentos estrangeiros diretos (IED) para o Brasil com foco em setores estratégicos para o desenvolvimento da competitividade das empresas brasileiras e do país.

SOBRE OS PROJETOS SETORIAIS – Os Projetos Setoriais Brazilian Chicken, Brazilian Egg, Brazilian Breeders e Brazilian Pork são mantidos pela ABPA em parceria com a Apex-Brasil com o objetivo de promover junto ao mercado internacional as carnes de frangos, de suínos, ovos e material genético produzidos no Brasil.  Por meio da participação em feiras, realização de workshops e outras ações especiais de promoção comercial, os projetos valorizam atributos destes setores produtivos – como a qualidade, o status sanitário e a sustentabilidade da produção – e valorizam as marcas internacionais dos produtos, fomentando novos negócios para os exportadores brasileiros.  Cerca de 45 empresas participam dos projetos atualmente. Informações sobre como fazer parte dos projetos setoriais podem ser obtidas pelo e-mail Isis.sardella@abpa-br.org.