ABPA na Mídia






19/06/2013

UBABEF promove encontro de monitoramento com o Ministério da Agricultura

O presidente executivo da União Brasileira de Avicultura (UBABEF), Francisco Turra, o diretor de Mercados, Ricardo Santin, e o diretor de Produção, Ariel Mendes, participaram hoje de reunião de monitoramento de demandas do setor avícola com o secretário de Relações Internacionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Célio Porto, e com o secretário de Defesa Agropecuária, Ênio Marques Pereira.  A reunião aconteceu na sede do MAPA, em Brasília (DF).
Durante o encontro – que também contou com a presença de técnicos das duas secretarias do ministério – Turra e os diretores da UBABEF debateram questões como o andamento da abertura do mercado mexicano para o setor avícola brasileiro e a habilitação de novas plantas para exportação à China.  A organização de missões e abertura de outros mercados também estiveram em pauta no encontro.  
Também na agenda de trabalho da UBABEF esteve um encontro com o secretário executivo do ministério, José Gerardo Fontelles.  O assunto principal foi a liberação de recursos para o setor avícola previstos no novo Plano Agrícola e Pecuário.  “Queremos que o secretário ajude para que os recursos sejam efetivamente liberados e não esbarrem em problemas burocráticos”, destaca Turra.
Mais tarde, Turra encontrou-se com o Secretário de Política Agrícola, Neri Geller, para tratar sobre o abastecimento de insumos para o setor avícola.  “Estamos negociando com o secretário a promoção de políticas que não oprimam o produtor rural de milho e soja, mas que também garanta o pleno abastecimento das agroindústrias avícolas nos diversos estados brasileiros”, ressalta o presidente da UBABEF.
INOVAGRO – Ontem, o coordenador geral de Análises Econômicas da Secretaria de Política Agrícola do MAPA, Antônio Luiz Machado de Moraes, participou da Câmara de Relações com o Integrado da UBABEF, na sede da entidade, em São Paulo (SP).
Durante o encontro, Moraes apresentou os pontos voltados para o setor avícola brasileiro dentro do novo Plano Agrícola e Pecuário do ministério, como o INOVAGRO, que contará com R$ 1 bilhão em recursos para a modernização tecnológica do setor, aumentando a competitividade especialmente em regiões do país onde as estruturas são mais antigas, como os estados do Sul.
Outra ação prevista é o incentivo à armazenagem pública e privada – esta última contará com recursos, no prazo de cinco anos, de R$ 25 bilhões em financiamentos, com taxas de 3,5% ao ano e 15 anos para pagar.
Na oportunidade, o representante do MAPA também debateu pontos relativos ao programa junto aos membros da Câmara, que é presidida por José Ribas.